Tuesday, September 08, 2009

Tomando uma grande decisão....




Galera, estou aqui pensando no que escrever mas tá difícil. Eu volto do trabalho tarde, quando chega meu dia de folga, tenho trocentas coisas pra fazer.Nem tenho tido tempo pra visitar e comentar no blog dos amigos, desculpas mesmo.Quero dizer que essa minha falta de tempo com o
blog pode ficar pior se eu colocar em prática algumas idéias que andam surgindo na minha cabeça.
Conversando esses dias com uma amiga, fiquei sabendo que ela esta fazendo um mestrado na Universidade de Sophia que fica em Yotsuya-Tokyo. Fiquei interessado em um monte de coisas que ela estava me falando e resolvi procurar saber mais sobre o assunto.E eles ministram um curso especial para estrangeiros no Japão com duração de 1 a 2 anos. Mas é uma universidade privada, quando fui olhar o preço, o que desceu pela privada foi a vontade de desembolsar o valor.



Uma outra universidade que também tem um programa parecido, é a Mejiro University. Um amigo japonês que faz letras lá, ficou todo empolgado com a idéia e agora quer de todo jeito que eu vá pra Mejiro. Mas eu fico aqui pensando comigo, com toda a falta de estabilidade no trabalho, será que eu eu conseguiria, ou na pior das hipóteses, eu me atreveria a dar entrada na matrícula....já pensou se perco o emprego, como vou manter os gastos com a universidade depois?? A Universidade de Sophia tem com certeza, mais prestígio entre os estudantes mas não é pra qualquer um. A de Mejiro fica pelo menos pra mim, também mais acessível. Não sei ainda, tudo isso, significa novas responsabilidades né. Se eu entrar nessa, vou ficar ainda mais sem tempo pra atualizar o blog.


Domingo, depois do trabalho, fui praticamente intimado a comparecer no último dia do Brazilian Day Japan lá em Yoyogi. A festa terminava as sete da noite e meu trabalho também. Mas meus dois colegas de trabalho queriam ir pra comer. Eu nunca tinha ido no Brazilian day porque não gosto dos estilos musicais que tocam nesses eventos. Mas fui né...chegamos lá era quase oito da noite e enquanto estávamos indo em direção ao local do evento, todo mundo, estava fazendo o caminho inverso, de volta pra casa. Batalhões de brasileiros em grupos....tinha ouvido falar que muita gente voltou ao Brasil, mas ainda sim, a presença verde e amarela é grande no arquipélago.Adoro o brasileiro por esse detalhe - Nunca perde as esperanças.



Encontramos outra colega de trabalho no meio daquela gente toda. Haviam ainda algumas barraquinhas acesas.Não tinha mais coxinhas. Eu comi um hot dog que achei caro por ser apenas salsicha num pão murcho e seco, com mostarda e ketchup.Sem purê de batatas, maionese, vinagrete e sem mais nada.Sabe, iamos de barraquinha em barraquinha e todo mundo se dirigia a nós 3 em japonês. Isso, ninguém que me vê na rua acha que sou brasileiro e meus amigos também.Agora, tem brasileiro que se veste como brasileiro.Não tem como não reconhecer. O fato de eu parecer japonês já me rendeu várias histórias engraçadas.Eu já ouvi pessoas falarem sobre os mais inóspitos assuntos do meu lado, achando que eu não estava entendendo nada. E eu claro, faço cara de paisagem.
Parou um cara estranho do nosso lado e começou a puxar papo.Disse em inglês com sotaque do oriente médio que adorava o brazilian day.Ele tinha muito cara e jeito de bangladesh,Irã ou algum desses paises. Disse que era de London !!! Pensei comigo - London My ass !! - Qual é a desse povo?




Chegou no Japão, uma bebida que se chama vitamin water.Vem lá da América, claro. Eu achei cinco versões dela aqui no Japão mas nos states parece que são 15. A cor é totalmente fake e de longe parece com alguma coisa que faz bem. Mas como eu confio no departamento que controla a entrada de alimentos aqui no Japão, me arrisquei a comprar. Eu já experimentei os seis sabores. Agora, não pode se deixar enganar pela cor da bebida.Tem que saber que você esta tomando água mesmo, assim como diz a embalagem. O que acontece, é que você se deixa levar pela cor berrante da bebida e imagina um sabor super acentuado. Mas quando você dá primeiro gole, não tem como não fazer cara de - Não era isso que eu estava esperando - Mas depois você se acostuma. O preço, 200 ienes, ou 4 dólares aproximadamente. Vou listar os sabores que achei aqui:




D -FENCE - sabor raspberry and apple + zinco
Promete aumentar a imunidade do sistema imunológico. Um grande aliado pra esses tempos de gripe suína.

SUPER-V - sabor limonada
Um coquetel de vitaminas de A a Z que promete ajudar você a chegar ao fim do dia com disposição, mesmo após reuniões e o monte de stress do dia-a-dia.


ENERGY KICK - sabor guaraná + caffeina + vitamina B
Lembra sim um pouco o gosto de guaraná.Sabe aquele sono que dá depois do almoço e você precisa se concentrar no trabalho? Manda ver uma garrafinha dessa...


POWER -C - sabor dragonfruit
A fonte, como diz o nome, é a vitamina C. todo mundo sabe, faz bem pra pela, ajuda contra gripes
e resfriados, a lista é grande.Contém Taurine.Um amino ácido que o próprio corpo produz, presente em abundancia no coração,retina,espinha dorsal, no cérebro e nos glóbulos brancos. Regula a renovação das células e controla a saúde dos olhos.


CHARGE + eletrolytes
Sabor lemon and lime - Quando você se sentir indisposto pra fazer qualquer coisa.Escola, trabalho, levar a namorada pro shooping (significa horas e horas de loja em loja esperando ela olhar tudo, experimentar tudo e sair da loja sem comprar nada....) ou falta de disposição pra..er..deixa pra lá.
Tem ainda outros sabores como açai mas que ainda não tem no Japão.

18 comments:

Desabafando said...

Que interessante seu post....acho que se vc tiver mesmo a fim de fazer esse mestrado, faça. Independente de blog ou qualquer outra coisa....lógico que vou sentir sua falta, mas vc tem que pensar no seu progresso não?

Nao sabia que aí tinha isso de Brazilian day...rsrsrs...e achei muito legal essa água colorida...rsrsrs...sabe que aqui em sp, em alguns lugares é possível encontrar uma água aromatizada? Sim, ela tem um gosto leve de tangerina ou limão....mas continua sendo água e incolor...só que sem essas vantagens todas da que vc encontrou aí! mas é difícil de achar pra vender...eu comprava numa padaria perto de onde eu trabalhava.

Rê :) said...

Bah leo... bem que tu poderia mandar essas vitaminas pra cá! Poxa vida, brasil é uma bosta mesmo nesse quesito... eu viveria tomando esses troços! ahuahauahau!

e quanto a fazer facul, eu acho q tu tem que fazer sim, mas primeiro tem que colocar na ponta do lápis se daria pra tu bancar e te bancar também!

e voltar pro brasil? tu já pensou nessa possibilidade?

bjooooooooo e não some!

Anonymous said...

interessante sua recusa em reconhecer e assumir sua verdadeira nacionalidade(lembrando que ser brasileiro nao significa ter que saber e adorar dancar samba,usar roupas espalhafatosas ou outras cositas do genero) e ainda ter a capacidade de querer julgar e decidir a nacionalidade de outros.nao julgue para nao ser julgado,nao generalize para nao ser generalizado.e por mais que saiba japones,nao tente se passar por um,porque qdo vc abrir a boca ELES saberao que vc e estrangeiro e pior, ate um compatriota podera te desmascarar,o que seria "o fim" para vc,nao e mesmo?

Dea アンドレア said...

Oi Léo!
Qta novidade...eu quero experimentar esse primeiro sabor. Posso arriscar sem medo? rs...
Pois é, já estou sentindo o ventinho gelado :(
Será q esfria logo?

Bah said...

Ahhhh apoio completamente os estudos. Independente de qual University que vc queira, se conseguir entrar, aproveite o máximo que puder. Eu apoio completamente essa ideia até porque tudo que for absorvido no tempo em que vc estiver fora de sua terra é válido. Conhecimento nunca é demais. Adorei esse flashzinho de borbulhas rs... ficou chique!

Kisu!

Farofa de Batata =] said...

Leoooooooo...saudades garotinhooo!!!

Que bom q arrumou um tempinho pro post, adoro seus posts, vc sabe, eu já falei o q axo do seu blog...
Agora eu quero seu email hahaha, quero saber como andam as coisas ai...e me fala mais dessas suas ideias qt a facul...

Essa bebida, agua hahaha fiquei curiosa pra provar...

Boa Quintaaa!
Miquilisssss

Bru

Leo Yk said...

Que coisa impressionante...isso eu também admiro muito em certas pessoas...
a capacidade que elas tem de sairem por ai julgando os outros sem antes olhar para
o próprio rabo. Se tem tanta moral pra sair falando de mim, pq posta como anônimo?
Mas vc esta certo. Em alguns momentos eu tenho vergonha de ser brasileiro..mas eh poque
ainda existem pelo mundo, pessoas como você...
Ah, anônimo, eu trabalho em uma empresa japonesa, logo,falo bem o japonês.Vc já falou comigo
em japonês? Talvez em vez de eu abrir a boca, você que deveria fechar a sua né....
Veja só, eu reclamei muito de ter de frequentar o colégio aqui no Japão, mas hoje sou muito
grato por ter passado por aquela tortura. Se você esta frustrado(a) pq nao fala, eu posso dar umas aulas particulares de Japonês.
E para com essa agressão gratuita...o que voce ganha com isso?Coisa feia....tsc tsc

Gde abraço pra você também anônimo!

Gesiane said...

Oie Leooo...

Ah pensar no seu futuro é legal, eu estou acabando o mestrado já com o doutorado todo encaminhado... inclusive minha estadia no Japão um tempo, agora estou me matando para aprender nihongo... nas quartas feiras são nada mais nada menos que 6 horas de nihongo!!!

Rsss... perdi a graça de música brasileira a um bom tempo!!!

Beijos

Kiyomi, a.k.a. Piggy said...

Leosan, sobre o Brazilian Day, eu confesso: fui pra comer mesmo. Não resisto a um salgado de boteco. Ta bom, ano que vem, se ainda estiver viva, eu compro pra galera toda [se sobrar. A galera, não o salgado]. Ah, sim. E encontrar dois colegas que estavam lá...
Sobre Joshi Daigakku (ou Sophia), eu pensei mesmo em fazer o curso de dois anos, mas o horario desregado que eu levo (voce sabe muuuuuuuuuuuito bem) e agora essa incerteza do futuro, o jeito é, por enquanto, engordar o cofrinho ...
Quanto ao comentario do anonimo, deixa pra la...
Voltei a estudar japones, pra garantir o futuro...
Ate sexta!

Kiyomi, a.k.a. Piggy said...

ahahahahah e gostei da figura do post. Tá lembrando eu quando resolvo hibernar na minha folga. Como voce sabe, se eu fico em casa na minha folga é porque: 1)estou com uma colica brava daquelas: 2)despencando a maior chuva em Yokohama; 3) falta de "tempo" mesmo....

Pensadora Compulsiva said...

Ja estava com saudades dos seus posts!
É a vida é realmente corrida, desejo boa sorte na escolha dos cursos que vc deseja fazer.
O importante é não ficar parado, investir no futuro é importante.

Legal esse tipo de festa aí no Japão, vc se diverte encontra outros patriotas, rs.
bjox

Gesiane said...

Ah, não sabia que o Yamapi tinha pegado a gripe do porquinho... ninguém manda ficar beijando a Keiko Kitagawa hahahaha...

E eu mesmo sendo fã de carteirinha do Takki, não consigo assistir um episódio inteiro do dorama dele... Se bem que ultimamente eu tô muito mais para o Osamu Mukai!!! Ainda mais depois DAQUELA edição da Anan...

Tá tá parei, senão fico pensando demais... e estou no trabalho!!!

Beijão amigo!

Rê :) said...

poxa vida!

manda um engradado inteiro de oolong tea pra cá leo, please, please!!!!!!!!

vou ter q descobrir essa formula urgente e patentear ela por aqui, vou ficar milionária e sem pneus!

ai ai ai, fui ao delirio agora, HUAHAUAHUA!


Ah, e se tu consegue te bancar junto com a facul, vai em frente, sem medo!

bjo bjo

fee_japinha said...

Hiro lindo, fodam-se os anonimos~
quem te conhece sabe a pessoa maravilhosa que você é.. nem perca tempo querido~ ;D

siuAHSIUhsia o 'London my ass' foi ótemo~

Léo está tão ocupadinho com sua vida agitada~ XD
enfim~
boa sorte em tudo, te dou a maior força no que decidir aí, e com certeza se saíra muito bem porque é muito inteligente~

se cuida Hiro-chan <3
beijos~
fefe bakanishi~

Caca said...

Cara, achei o seu blog por acaso e meodeos ADOREI!!
Tb moro no Japan e mta coisa q vc postou eu nem sabia q existia, mas agora tudo mudará, graças as suas dicas úteis e outras nem tanto assim but who's care???
E obrigado por ter um blog um tanto que viciante!!

Kissas

andreia inoue said...

ola leo,eu acho q independente da universidade vc deveria tentar,afinal a gente nao pode ter medo o tempo todo ne?claro q pode pintar um desemprego,e se nao acontecer?vc poderia ter feito e nao fez!
ja q vc eh expert no japones vai fundo,invista em vc,no seu potencial que com certeza tem de sobra.
eu gostaria de ter ido no brazilian day,so q fiquei sabendo no na vespera e nao deu para programar,
agora o hot dog foi fogo ne?hahaha...paozinho murcho ninguem merece amigo!
eu teria recusado na hora q olhasse a cara pouco atrativa!
:)
beijaooo.

Elisa no blog said...

Oi Leo sumido,
Esse ano acabei não indo ao Brazilian Day.
Tinha acabado de voltar de viagem, não deu coragem. Mas fui no ano retrasado e curti muito.
Eu também não sou reconhecida como brasileira nas ruas. Acho bom assim, andar incógnita pelas ruas.
Não sei porque achei que vc era de Okinawa. Vc trabalha em Tokyo. Soube hoje. Então estamos próximos porque moro em Yokohama.
Tem visto meu blog?
bj

Dea アンドレア said...

léo! Já estava preocupada ...
Q bom que apareceu!
Vc pelo menos pode dizer q foi no Brazilian Day rs...
Volte a postar! adoro seu blog
bjos